Lustres direcionados para o público infantil mesclam funcionalidade e encanto

Gazeta do Povo | 07 de março de 2010 | Foto: Divulgação Philps

Não basta iluminar. No quarto das crianças o encanto chegou ao teto e transformou os lustres em produtos especiais. Com formatos e cores variadas, os artigos de iluminação ganharam um toque especial e se tornaram destaque na decoração dos ambientes.

O encanto pelas peças é percebido nas lojas. Aos sábados, quando o movimento de famílias é maior nas lojas de iluminação, o showroom de produtos infantis é um dos mais movimentados. “Os produtos brincam com a iluminação, enquanto enfeitam o quarto. Não ficam só com a funcionalidade”, afirma a diretora da loja Irmãos Abage, Alessandra Abage Gomes.

Os valores das peças variam de acordo com o tamanho, o design e os materiais utilizados. São comuns no mercado produtos licenciados, com estampas de desenhos animados como Super Homem, Meninas Superpoderosas, Barbie e as Princesas. Além de lustres, os abajures compõem a decoração e também oferecem diversos modelos especiais para as crianças.

Para Alessandra, o direcionamento dos produtos às crianças é uma tendência entre os fornecedores. “Eles estão se preocupando em oferecer produtos diferentes. São peças bonitas para que o cliente olhe e queira colocar no quarto do filho”, diz. “A intenção é despertar as crianças para um ambiente lúdico. Nos inspiramos no mundo imaginário das crianças, com fadas, foguetes, borboletas, lua, abelha”, conta a gerente de produtos da Philips do Brasil, Marina Pacheco.

Além da venda de produtos com desenhos já conhecidos pelas crianças e seus pais, a proprietária da Casa Suíssa, Maria Augusta Valenza, aposta na personalização. Plafons, lustres e abajures ganham enfeites de bichinhos de pelúcia, flores ou carrinhos, de acordo com o projeto de decoração dos quartos. “É um diferencial no mercado. Temos a linha de produtos licenciados e também criamos novos produtos. Assim o cliente tem uma peça que não encontra em outro lugar e que não fica caro, é acessível”, afirma. Maria Augusta diz que o investimento nesses produtos aumenta em aproximadamente 20% ou 30% em cima do valor das peças originais.

Cuidados
Quando os lustres e abajures fazem parte da decoração do quarto das crianças, alguns cuidados são necessários. Além de seguir à risca as orientações presentes nas instruções de uso, o gerente da loja Irmãos Abage, Wagner Gonçalves, recomenda que os pais mantenham os produtos fora do alcance das crianças e distante de camas ou berços, para evitar queimaduras ou queda das peças em um possível contato. “Sempre orientamos para que os pais cuidem principalmente com as peças de vidro, porque as crianças arremessam brinquedos e as peças ficam expostas.” Os produtos da Philips possuem pontas arredondadas, tinta atóxica e dão preferência para o uso de madeira, com alta qualidade do acabamento das partes metálicas e dos vidros. As peças também são compatíveis com lâmpadas econômicas.

Assim como os cuidados com a qualidade dos produtos, os pais devem estar atentos com a intensidade da iluminação no quarto dos pequenos. A lighting designer da Klee Iluminação, Eliana Zielonka, alerta para a intensidade da luz exposta. A intensidade ideal para os ambientes varia de acordo com o desenvolvimento da criança. “Um bebê necessita de uma luz suave, que não venha irritar os olhos e que dentro do possível seja estendido a ele o conforto do escuro uterino. Em idade mais avançada é preciso ter com a segurança, como choques, calor ou queimaduras.”

Eliane dá ainda algumas dicas de lâmpadas, como o uso de LED, de baixa tensão, como as de 12 volts, e luzes que promovem conforto e relaxamento. “Uma luz muito branca, como as antigas fluorescentes, tem uma cor forte e desconfortável, causando cansaço visual, dores de cabeça, etc. A luz mais quente é confortável.”

Casa Suissa – Rua Marechal Deodoro, 262 / Loja 30, fone (41) 3224-6911. Irmãos Abage – Rua Marechal Floriano, 5221, Hauer, fone (41) 3371-5656. Klee Iluminação – Dr. Carlos de Carvalho, 943, Batel, fone (41) 3233-5207.

http://www.gazetadopovo.com.br/imobiliario/conteudo.phtml?tl=1&id=979682&tit=Diversao-que-vem-do-alto