Tribuna Regional – Boa Vista | junho de 2015 | Foto: Gerson Klaina

É muito provável que a árvore que está na rua em frente a sua casa, no caminho para seu trabalho ou no parque que você costuma frequentar tenha passado pelas mãos de José Luiz Kucek, 61. Com 29 anos de trabalho no Horto Municipal da Barreirinha, ele calcula que durante este tempo foi o responsável por pelo menos 100 mil árvores de Curitiba.

Kucek acompanha todo o desenvolvimento de diversas espécies até elas serem encaminhadas para as ruas, parques, praças ou bosques da cidade. Por ano, são produzidas 50 mil mudas de árvores no horto, onde são cuidadas desde a semente, antes de germinarem. Cada uma demora em média cinco anos até ficar pronta.

Quase todas as árvores cultivadas são espécies nativas, ou seja, são naturais da região. O viveirista conhece intimamente cada uma. “Tem que saber as épocas certas de plantio, de irrigação e o jeito de lidar”, diz. A experiência vem de longa data.Desde os 13 anos de idade ele trabalha com as plantas, sem contar o bosque que tem nos fundos do terreno que está com a família desde que os avós vieram da Áustria. “Nunca trabalhei com outra coisa”, revela.

“É muito gratificante. As árvores atuam contra a poluição, oxigenam o ambiente. É o que vou deixar para meus netos”, comenta José Luiz, que aponta uma árvore que tem história no horto. Um pinheiro que nasceu por acaso depois que ele deixou três pinhões no chão. “Cada um aqui tem uma história”.

Espécies
Entre as árvores produzidas no Horto do Barreirinha estão pinheiros, ipês coloridos, quaresmeira, aroeira, sassafrás e outras. O paisagismo urbano de Curitiba conta com cerca de 150 espécies. O horto municipal não é aberto à visitação pública, mas recebe grupos escolares com agendamento prévio. Fone: 3585-3171.

Vandalismo
Depois de tanto cuidado, Kucek lamenta que as árvores sejam alvo de vandalismo quando estão nas ruas. “É difícil, a gente cuida tanto pra depois quebrarem”, diz. A Secretaria Municipal do Meio Ambiente estima que pelo menos 40% das mudas plantadas nas ruas são destruídas.

 

http://cacadores.parana-online.com.br/barrerinha/150-tons-de-verde/